Motos

Scooter baratas que te dão mais agilidade

O mercado de scooters não é dos maiores quando se fala do mercado de motocicletas no Brasil. O grande sucesso que existe na Ásia e na Itália não se repete em território brasileiro, porém as montadoras continuam otimistas sobre o fato de esta ser uma área bem promissora.

As scooters são motos de baixa cilindrada e que otimizam bastante a agilidade e o tempo nas ruas das grandes cidades. Pequenas, confortáveis e práticas, os modelos scooter podem ser muito úteis quando a necessidade é diminuir o tempo no trânsito e ainda assim não gastar muito por isso.

Abaixo seguirá uma lista de 4 scooter baratas e que dão mais agilidade para os motociclistas. Esperar o ônibus chegar e ficar preso em engarrafamentos pode não ser mais uma opção, pois as scooters oferecem muita mobilidade e baixo custo de investimento.

  1. Dafra Cityclass 200i

Para começar a lista, esta é a scooter mais potente e cara. Com 199,1 cc e potência de 13,8 cv a 7500 rpm, a Dafra Cityclass é uma ótima opção para quem deseja maior liberdade ao rodar pela cidade.

Entre os itens de série, a scooter conta com entrada USB para carregamento de celular e uso de GPS, bagageiro com pré-preparação de instalação de baú (caso seja vontade do consumidor), rodas aro 16” e freios a disco.

O valor de aquisição da moto da empresa brasileira é de R$ 10.990,00.

  1. Honda PCX

A Honda PCX é a segunda mais cara apresentada na lista, possuindo um valor de investimento mínimo de R$ 10.800,00. A scooter da empresa japonesa conta com freios CBS, tomada auxiliar de 12 V para carregar celulares e Idling Stop (sistema que permite maior economia).

O motor é monocilíndrico, com capacidade de 149,3 cc e que atinge uma máxima de 13,1 cv a 8.500 rpm. A força de torque do aparelho é de 1,36 kgfm.

  1. Suzuki Burgman I

A scooter Burgman I é considerada pela Suzuki o carro-chefe da empresa, sendo que a empresa vende cerca 2.800 por ano. O moto de baixa cilindrada da montadora japonesa não possui itens de série que se destacam, mas seu preço de aquisição para a versão i 125 é o grande diferencial.

Por um valor inicial de R$ 9.490,00 é possível adquirir a moto da Suzuki. O motor do modelo possui 124 cc e tem partida elétrica. A potência é 9 cv, está que é atingida a 7.500 rpm. Já o poder de torque não passa de 1 kgfm, sendo ele de 0,95 kgfm atingido a 6.000 rpm.

  1. Yamaha Neo 125

A Yamaha Neo é scooter mais barata do mercado, talvez perdendo apenas para alguns modelos genéricos. A moto da Yamaha teve um grande sucesso entre 2004 e 2012, mas acabou tendo sua produção interrompida até voltar em 2016.

A scooter tem 9,8 cv e apresenta um visual bem simples e agradável, sendo que a empresa japonesa buscou oferecer uma estética bem jovial também mirando no público feminino. A moto tem o preço sugerido de apenas R$ 7.990.